Como foi o Curso Executivo de Hotelaria Hospitalar

cursoHHCuritiba2019

Curitiba foi a segunda cidade da temporada do Curso Executivo de Hotelaria Hospitalar.

Ana Augusta do Site Hotelaria Hospitalar aplicou o Curso durante 2 dias com um conteúdo de Hotelaria Hospitalar totalmente dinâmico, interativo e mais importante: PRÁTICO.

O curso teve a participação de 2 palestrantes convidados:

  • Ivan Franco Ferreira, que falou sobre novas tecnologias aplicadas a Hotelaria Hospitalar,
  • Ana Moss, que abordou sobre Terceirização de Serviços

No primeiro dia do curso foi abordado temas:

  • com os pacientes se sentem,
  • importância da Hotelaria Hospitalar ,
  • Hotelaria Hospitalar como diferencial estratégico,
  • qualidade e humanização,
  • passos de implantação da Hotelaria em um Hospital,
  • Cases de sucesso,
  • Gerenciamento de leitos ,
  • Gerenciamento de enxoval,

A seguir temos a foto do final do primeiro dia de curso:

cursohhcuritibafoto

Palestra sobre Tercerização de serviço

anamospalestra

Palestra de Ana Moss foi sobre Terceirização.  Ana falou um pouco sobre sua experiência do Grupo Marista (que dentre as suas unidades tem escolas, Universidades e os Hospitais Cajuru e Marcelino Champagnat). 

A palestra foi brilhante ! Mostrou diversos detalhes, ações e pontos importantes da transição de toda equipe própria para terceirizada, tanto nos hospitais tanto no grupo inteiro.

Palestra de Ivan

ivancuritiba2019

Ivan falou por diversas tecnologias novas, integrações e automações que estão começando a serem utilizadas nos Hospitais.

Um dos exemplos foi a aplicação de em Hospitais para fazer o “checkin” para procedimentos agendados. Muito parecido com o papel o qual estes Robos já estão praticando nos Hotéis (de Concierge).

Ivan mostrou o vídeo a seguir temos uma reportagem do Jornal da Cultura que mostra um destes em ação:

Double-1Falou também sobre o Double que permite o controle remoto de todas suas funções: andar, virar, filmar e transmitir. Com ele é possível efetuar uma telepresença. Queremos usá-lo para aumentar o acompanhamento dos médicos aos pacientes, aumentando as oportunidades de interação e não limitando apenas aos momentos de presença física.

Outra utilidade que vislumbramos é o uso deste para possibilitar uma telepresença dos familiares em unidades de isolamento. Através de qualquer interface web, é possível comandar o Double e navegar. Demonstramos durante a feira o uso dele, e visitamos os stands vizinhos e comandamos passeios deste Robô a distância.

Outra tecnologia nova mostrada foi o uso da Inteligência artificial, e foi mostrado o seguinte vídeo

Diversas outras tecnologias aplicadas a Nutrição, Gerenciamento de leito, Gerenciamento de limpeza de áreas comuns, limpezas concorrentes, gerenciamento do setup do centro cirúrgico e muitos outros.

Segundo dia

O segundo dia do curso, Ana Augusta aplicou diversas dinâmicas que demonstraram situações rotineiras do dia a dia dos Hospitais.

Apoio do Hospital São vicente

jarinaeana

O curso foi viabilizado pelo apoio do Hospital São Vicente.

Jarina Silveira foi a responsável por toda organização local em Curitiba e proporcionou um ambiente muito agradável para o curso.

Sobre a idealizadora dos Cursos e do Site Hotelaria Hospitalar:

anaaugustaAna Augusta
Empreendedora, Empresária, Palestrante. Sócia Fundadora da Hotelaria Hospitalar Comunicação e Treinamentos. Formada em Hotelaria pelo SENAC, MBA Gestão em Saúde pela UNIFESP, pós graduada em Hotelaria Hospitalar pelo Instituto de Ensino e Pesquisa do Hospital Albert Einstein. Inglês fluente. Alemão Intermediário.

Sobre o Hospital São Vicente

hsvctbaFundado em 1939, o Hospital São Vicente é referência em transplantes de fígado e rim. É um hospital geral, com ênfase em alta complexidade, que atende a diversas especialidades cirúrgicas e clínicas, sempre pautado pela qualidade e pelo tratamento humanizado.

Conta com um corpo clínico altamente qualificado e comprometido em oferecer o melhor tratamento aos pacientes, reconhecido pela formação de profissionais e pelo desenvolvimento científico.

Localizado no centro de Curitiba, o Hospital São Vicente dispõe de uma estrutura moderna e confortável e é equipado com aparelhos de alta tecnologia, distribuídos em mais de 10 mil metros quadrados.

Faz parte dos hospitais que dão suporte ao município e a todo o estado, no atendimento referenciado das linhas prioritárias de Oncologia e Rede de Atenção às Urgências e Emergências, bem como Transplantes Hepáticos, Transplantes Renais e Cardiologia.

O hospital recebeu o selo de certificação de transplante hepático e renal da Central Estadual de Transplantes do Paraná, como forma de reconhecimento da excelência de seu trabalho. É certificado também pelo município de Curitiba, pelo estado do Paraná e pela União como entidade de utilidade pública.

A instituição integra a lista de estabelecimentos de saúde que atendem ao padrão exigido pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), órgão regulador vinculado ao Ministério da Saúde.

cursoHHctba19rodape

Curso de Gerenciamento de Leitos do Professor Marcelo Boeger em Salvador

img-20190808-wa00428211084568588249682.jpg

Acontecerá em Salvador (BA) , nos dias 25 e 26 de outubro, no Sotero Hotel o Curso de Gerenciamento de leitos com o Professor Marcelo Boeger.

O curso é organizado pela empresa Crescer de Salvador.

Inscrições: https://www.sympla.com.br/curso-de-gerenciamento-de-leitos__592147

Outras informações:  71 9 9699-8837  – Virginia Di Tullio – contato@crescerba.com.br

DESCRIÇÃO DO CURSO

Este curso visa oferecer as ferramentas necessárias que um hospital deve ter para gerenciar seus leitos da melhor maneira possível.

  • Otimizando a disponibilidade;
  • maximizando a ocupação dos leitos;
  • reduzindo o tempo de espera do paciente, agendamento cirúrgico, transferência interna de pacientes, manutenção;
  • aumentando o custo-benefício do hospital;
  • e aumentando o faturamento porque reduz os custos com capacidade ociosa de pessoal, infraestrutura, e desperdiço de tempo.

PÚBLICO ALVO 

Administradores hospitalares, Gestores da hotelaria hospitalar, Enfermeiros, Médicos e outros profissionais da área da saúde que desejam adquirir conhecimentos nessa área.

CONTEÚDO 

Bases para Implantação de Gerenciamento de Leitos:

– Conceito, Cenário, Raciocínio Sistêmico, Importância da Arquitetura Hospitalar para o Gerenciamento de Leitos, Premissas dos Ambientes de Serviços.

Problemas que Interferem no Gerenciamento de Leitos.

  • Gargalos no Gerenciamento de Leitos, Alertas de Altas, Serviços que influenciam a Falta de Leitos.
  • Ciclo de Serviços – Fluxo de Serviços no Gerenciamento de Leitos.

Outros Setores demandantes de Volume de Pacientes.

  • Pronto Socorro, SADT,
  • Centro Cirúrgico,
  • Hospedagem,
  • Alta,
  • Desospitalização de Pacientes Crônicos.

Principais Indicadores da Hotelaria Hospitalar.

– Indicadores de funcionamento do hospital, Indicadores por dia e tipo de paciente, Indicadores de Set Up, Indicadores de higiene, Indicadores de controle de infecção hospitalar.
Variabilidade da Demanda e seu Impacto nos Resultados.
– Implantação do Setor de Gerenciamento de Leitos, Prevenindo Atrasos, Pontos Críticos, Conhecendo e Reduzindo a Variabilidade.

METODOLOGIA

Aula expositiva dialogada, multimídia, interação aluno-professor, oficina com exercícios em sala de aula com estudos de casos e uso intensivo de recursos audiovisuais. Bons Estudos!

OBJETIVOS:

– Maximizar qualidade para o paciente e seus familiares,
– Reduzir o tempo de espera,
– Promover maior segurança assistencial,
– Gerar maior conforto a pacientes e familiares,
– Reduzir custos para Instituição,
– Reduzir transferências desnecessárias,
– Ajustar dimensionamento das equipes,
– Planejar adequadamente as atividades,
– Favorecer o fluxo da assistência,
– Determinar o paciente certo no leito necessário às suas condições em uma permanência adequada (a menor necessária para o diagnóstico e terapêutica).

Sobre o PROFESSOR: MARCELO BOEGER

imagem_release_1700843boeger* Presidente da Sociedade Latino-americana de Hotelaria Hospitalar.
* Diretor da Sociedade Brasileira de Hotelaria Hospitalar.
* Coordenador e professor MBA em Hotelaria Hospitalar do Centro de        Educação em Saúde Abram Szajman do Hospital Albert Einstein.
* Mestre em Planejamento Ambiental pela Unibero.
* Mestre em Hospitalidade pela Universidade Anhembi Morumbi.
* Consultor na área de Hotelaria Hospitalar e Gerenciamento de Leitos para hospitais.

Livros Publicados:
* Liderança em 5 Atos, Editora Yendis, 2014, 2ª edição (coautor).
* Hotelaria Hospitalar, Gestão em Hospitalidade e Humanização, 2ª edição Ed. Senac, 2012 (autor).
* Manual de Especialização em Hotelaria Hospitalar do Hospital Albert Einstein, Ed. Manole, 2011 (organizador).

Sobre a Crescer

logo-crescer A Crescer é especializada em Treinamento e Desenvolvimento de Pessoas, a CRESCER acredita, incentiva e pratica a capacitação constante. E através de um conceito moderno, a CRESCER integra empresas e seus principais diferenciais competitivos: os colaboradores.

A frente da Crescer, está a executiva Ana Virginia Gomes Di Tullio

virginiadtulio

Virginia Di Tulio

Empreendedora e Intra empreendedora com elevada experiência, bom relacionamento, versátil, comunicação eficaz e transparente, disponível para apoiar pessoas e construir ambientes de trabalho positivos. Mais de 20 anos de experiência em algumas empresas da área de saúde, atuando em projetos importantes e exercendo papéis na área estratégica, comercial e operacional, com visão sistêmica e de busca constante na melhoria continua de processos de trabalhos com foco nos resultados da organização. Em paralelo, por cerca de 15 anos, tem ensinado em várias instituições de ensino nos cursos de graduação e pós graduação, além de inúmeras palestras em âmbito estadual e nacional. Atualmente desenvolve Treinamentos e Capacitações na Empresa Crescer .

 

Grupo GPS é a primeira empresa a ter certificação Voice

selo certificada voiceO Grupo GPS consegue a certificação Voice em Gerenciamento de leitos e Checklist Hospitalar.

O processo de conquista deste selo é baseado em evidências comprovadas de adaptação a nossas soluções e tem validade de 2 anos.
O Grupo GPS poderá expor o selo desta certificação em todo seu material e terá o certificado disponível on line para consulta de seus clientes em nosso site.

Criamos este processo a pedido de alguns clientes e o Grupo GPS participou do projeto piloto. Em nosso processo todo certificado tem pelo menos um cliente referência. No caso da GPS este cliente é o Hospital Copa D’or.

Segue o depoimento do Diretor Regional do Grupo GPS:

20190521_123901

”Para perpetuação no setor de serviço a saúde, as empresas precisam estar comprometidas com inovação e tecnologia, e para isto precisamos ir além de pessoas treinadas e cientes de suas atividades, precisamos apoiar cada profissional de nossa equipe com ferramentas que facilitem os trabalhos com melhor ergonomia, produtividade e ferramentas de gestão, e neste ponto é que o Voice vem agregando valor aos nossos serviços, apoiando na identificação da entrega das atividades, na gestão do tempo e monitoramento das equipes, pois sendo um software com uma interface fluida, que se adapta as necessidades de nossos clientes, gerando os indicadores necessários para que nossos gestores possam tomar decisões na velocidade do tempo em que vivemos, onde a velocidade da informação/ tomada de decisão é um dos pontos principais do setor de serviços.”

Claudio Pedrosa Monteiro – Diretor Regional Grupo GPS/RJ

A Responsável Técnica do Selo conquistado pela GPS é a Angela Rodrigues – Gerente Regional Grupo GPS/RJ

20190521_123555.jpg“Cada vez mais precisamos ter ferramentas que agreguem valor, velocidade e que tragam segurança e confiança para nossos clientes, gestores e equipes. É assim que buscamos a Voice, com a tecnologia no sistema de gerenciamento de leitos. Trazendo mapeamento global do processo de liberação de leitos, ganhos para os clientes que esperam por um leito nas recepções dos Hospitais e consequentemente ganhos financeiros para as Instituições.

Além disso, o sistema permite o monitoramento da equipe operacional de higiene, trazendo maior produtividade e desempenho com melhoria na qualidade do serviço prestado.”

Angela Rodrigues – Gerente Regional Grupo GPS/RJ

Em um post anterior,tínhamos anunciado o lançamento do processo. A conquista deste selo é baseado em evidências comprovadas e tem validade de 2 anos e a partir deste prazo terá que re-certificar.

Fomos incentivados por alguns clientes que passaram por momento de trocas de equipes. Em alguns troca de equipes inteiras. Clientes que tinham excelentes desempenhos, sentiram muito com a queda de produtividade nestes momentos de mexida. Agora os clientes poderão exigir experiência comprovada com o Voice !

Nossa certificação trará os seguintes benefícios para nossos clientes:

  • Proporcionar maior segurança na contratação de uma empresa terceirizada,
  • Em novas contratações ou renovações com empresas terceiras, o cliente poderá ter uma garantia de que o novo contratado tenha experiência com os processos relacionados aos nossos Produtos,
  • uma empresa com a certificação Voice, já terá experiência comprovada e não terá que se adaptar a novos processos,
  • a empresa terceira, já conhecerá os indicadores e relatórios fornecidos por nossos sistemas e não se vai se opor a ter estes como SLA em seus contratos,
  • haverá grande diminuição de tempo de início da nova operação, pois com colaboradores já treinados, ou pelo menos replicadores da própria empresa estarão aptos,

Todos os certificados possuem:

  • um número mínimo de funcionários treinados,
  • um número mínimo de supervisores capacitados,
  • um Responsável Técnico qualificado,
  • replicadores de conhecimento,
  • pelo menos um cliente referência,
  • garantia de reciclagem de conhecimento pois o processo tem validade e tem que ser renovado,

Em breve teremos em nosso site, uma área destinada ao processo de Certificação e lá estará em uma relação das empresas as quais ttenham conquistado o selo.

Sobre o Grupo GPS

gpsReferência no mercado de serviços indoor, com ampla experiência nos negócios de Facilities, Segurança, Logística, Engenharia de Utilidades, Serviços Industriais e Alimentação, a GPS desenvolve soluções customizadas para cada Cliente, criando resultados crescentes e sustentáveis através de um time apaixonado por grandes desafios.
No segmento:

Saúde


+9 mil Colaboradores


200 Clientes

A cultura é servir
  • Servir é se dedicar.

    É estar atento, presente e disponível para atender com assertividade às necessidades dos Clientes.

  • Servir é ser essencial.

    É fazer parte, ser visto como peça fundamental, sempre em sintonia com aquilo que é importante para o crescimento dos Clientes.

  • Servir é surpreender.

    Ser proativo, superar expectativas, quebrar paradigmas e ter visão de longo prazo para viabilizar, de forma sustentável, resultados além dos desejados.

É por isso que, para GPS, servir é um compromisso, que fazemos com muito orgulho e dedicação.

grupo-gps-timelineMatriz:

Av. Miguel Frias e Vasconcelos, 1205 Jaguaré /São Paulo-SP 

 

Principal: (11) 2197-8888 |

Comercial: (11) 2197-8870


Importância do Gerenciamento de leitos Voice para Hospitais usuários MV

É recorrente a pergunta sobre integração com MV !

Este post foi feito especialmente para ilustrar como nosso Gerenciamento de leitos agrega aos Hospitais usuários do Sistema MV.

Vital para alcançar a eficácia nas internações, o gerenciamento de leitos é um processo chave de um hospital, promove a utilização dos leitos disponíveis em sua capacidade máxima.

Incorporar uma metodologia de gerenciamento de leitos hospitalares eficaz vem se tornando fundamental. Investir em processos e ferramentas para agilizar o processo de internação é algo essencial para maximizar resultados.

Criar e acompanhar indicadores de desempenho são atividades fundamentais para uma gestão eficiente na Saúde. Métricas garantem que os resultados traçados no planejamento estratégico sejam alcançados. Permite à organização agir em tempo real diante dos desafios.

Mesmo com um software excelente de Gestão Hospitalar, ainda há lacunas manuais as quais não são cobertas. Nosso sistema é complementar, e consegue cobrir estas lacunas no gerenciamento de leitos. Temos diversos casos de sucesso nos quais transformamos a produtividade de Hospitais os quais já eram usuários do Sistema MV.

temposgirodeleitoanoanoA implantação do Sistema MV já gera alguns benefícios à Gestão de leitos, um de nossos clientes registrou a evolução ano a ano dos indicadores de giro de leito e fica explícito o impacto que cada sistema.

Estes dados são muito esclarecedores e servem como referência para os Gestores. No artigo O que mudou com a utilização do Voice, temos mais detalhes deste caso.

Alguns Hospitais que são referência no mercado brasileiro possuem o gerenciamento de leitos da Voice integrado com o MV, dentre eles destacamos alguns:

  • Hospital 9 de Julho,
  • Congregação Santa Catarina (Hospital Santa Catarina, Casa de Saúde São José, Santa Tereza etc.)
  • Hospital Anchieta,
  • Unimed Volta Redonda,
  • Hospital Moinhos de Vento,
  • Hospitais São Camilo (Pompéia, Santana e Ipiranga)
  • Unimed Fortaleza,

Moinhos de Vento

moinhos no congresso de hotelaria

O Hospital Moinhos de Vento já participou de alguns congressos e simpósios onde apresentou seus resultados com o Voice:

O Moinhos também foi destaque do Site Hotelaria Hospitalar.

Hospital Anchieta (DF)

O Hospital Anchieta também já era usuário do Sistema MV, e depois da implantação do Voice teve ganhos muito expressivos.

No vídeo a seguir temos um trecho da entrevista de Izabela Moreira ao Site Hotelaria Hospitalar onde deixou claro que com o Voice:

  • conseguiu maior eficiência nos processos,
  • com a metodologia do sistema possibilitou engajar toda a equipe,
  • teve a melhoria no tempo de giro de leito, eliminando em média 4 horas que o leito ficava aguardando inicio de limpeza,
  • aumento da eficácia e melhoria do giro do leito,
  • possibilitou incutir a liberação de leito mais ágil,

Link da entrevista na integra

Este Hospital já apresentou seus resultados em Congressos e Simpósios. Na III Jornada de Hotelaria Hospitalar do DF e GO , Izabela demonstrou o Case em Gerenciamento de leitos e destacou o uso da tecnologia. Mostrou como se beneficiou da integração entre Voice e MV.  Mostrou vários painéis vivos de acompanhamento que proporcionam o controle em tempo real.

No final de sua palestra, Izabela demonstrou os ganhos no giro do leito que teve com a implantação do Voice:IMG_8323.JPG

  • Tempo de espera:
    • de 4 hs 46m 20s
    • para 1h 27m 25s
  • Tempo de deslocamento
    • de 7m 55s
    • para 8m 14s
  • Tempo de Higiene
    • de 1h 0m 47s
    • para 52m 26s
  • Tempo de supervisão
    • de 36m 29m
    • para 16m 54s
  • Tempo total:
    • de 6hs 31m 35s
    • para 1h 54m 02s

Hospital Unimed Volta Redonda

O Hospital Unimed Volta Redonda é um exemplo de Hospital que sempre investe em tecnologia . Uma evidência disto é por ele ser um dos primeiros Hospitais com qualificação de Hospital Digital na América Latina, tendo o Himss ERAM 7 (nível máximo). Temos nosso sistema desde a criação do Hospital e ele foi o sistema de integração oficial com a MV.

A Unimed é um bom exemplo em que nosso sistema dá indicadores adicionais a operação. Recentemente o Hospital refez seu processo de terceirização de limpeza e aproveitou os indicadores on line de nosso sistema para colocar estes como SLA no contrato.

Na tela a seguir, o indicador de Porcentagem de execução das limpezas concorrentes realizadas antes do meio dia.

Porcentagem de limpezas concorrentes realizadas

Os relatórios agregam valores aos nossos processos pois direcionam nossas estratégias. Foi um ganho para o setor e para geração de resultados. Hoje, deixamos de atuar diante de percepções e monitoramos de fato cada etapa do processo.

Jéssyca Moreira

Líder de Hospitalidade da Unimed Volta Redonda

Dentre os diversos controles que se transformam em gerenciamento do resultado do terceiro, temos o relatório a seguir que demonstra quantas Limpezas terminais foram realizadas na meta e quantas não.

telanameta

Outra ação que nosso sistema proporcionou, foi ter on line a produção de cada trabalhador. Os melhores são premiados ! No mês passado as 3 que melhor desempenharam na limpeza concorrente e as que melhor desempenharam na limpeza terminal foram premiadas com um dia de Beleza.

Veja um exemplo deste relatório:

relatorioconcorrentesranking

 

 

Hospital 9 de julho

O pioneiro com uso de nosso sistema integrado ao MV,  este é um dos Hospitais que estão mais avançados no controle de seus processos. Ao entrar na sala de Hotelaria chama atenção que todos acompanham o Voice, o engajamento envolve todos e é impressionante como até os funcionários da prestadora de serviço são envolvidos.

No Hospital 9 de Julho, o processo de Gestão de leitos cresceu e hoje somos o sistema mandatório de manutenção. Os acionamentos são realizados pelo Voice.

Hospitais da Congregação Santa Catarina

Hospital Santa Catarina

Atualmente abrange 5 Hospitais da Congregação:

  • Santa Catarina (SP),
  • Casa São José Humaita (RJ),
  • Santa Teresa de Petrópolis,
  • Nossa Senhora da Conceição em Três Rios e
  • São José de Teresópolis,

Inicialmente instalamos no Hospital Santa Catarina e depois de um tempo em produção, o corporativo da rede decidiu que nosso produto deverá ser padrão em todos os 16 Hospitais. Gradativamente estamos implantando um a um.

tranformacaosantacatarinaUm fato relevante foi que a partir da primeira instalação, todas as outras foram acontecendo em conjunto do projeto Transformação, e o Voice é implantado junto com o Soul MV.

“Quando a gente começa a se apoiar em tecnologia, os saltos passam a ser exponenciais e a gente não está acostumado com isso na Saúde”,

comenta Vinícius Oliveira,

diretor corporativo de Operações da Associação Congregação de Santa Catarina

Nosso Gerenciamento de leitos é a ferramenta padrão que equipará todos os Hospitais da Congregação. E isso por proporcionar controles e gerenciamento dos processos de liberação de leito inexistentes nos Sistemas de Gestão Hospitalares.

 

Fontes:

Robôs são realidade para atendimento nos Hospitais

Participamos da Hospitalar 2019 (maior feira do setor da América Latina). Ficamos no Stand temático da própria organização, o Facilities Innovation.

Levamos o Robô para demonstrar o potencial de absorvermos atividades nos Hospitais  possibilitando mais disponibilidade e eficiência em diversos processos atuais.

No vídeo a seguir o Professor Marcelo Boeger, explica um pouco sobre este espaço da Feira Hospitalar e um dos próprios Robôs (neste caso a Plug) falando um pouco de seu potencial na área de saúde:

No Stand a Plug, sabia informar sobre tudo que estava exposto, os visitantes poderiam perguntar sobre qualquer item ou solução, segue respondendo sobre Gerenciamento de leitos.

Saímos de Feira Hospitalar com solicitações de Hospitais de todo país. Cada projeto, exigirá  integrações e automações diferentes. Uma aplicação que foi solicitada por alguns e acreditamos que tem grande potencial, que é fazer o “checkin” para procedimentos agendados. Muito parecido com o papel o qual estes Robos já estão praticando nos Hotéis (de Concierge). No vídeo a seguir temos uma reportagem do Jornal da Cultura que mostra um destes em ação:

Double-1Durante a feira, levamos um segundo Robô, o Double.

Que permite o controle remoto de todas suas funções: andar, virar, filmar e transmitir. Com ele é possível efetuar uma telepresença. Queremos usá-lo para aumentar o acompanhamento dos médicos aos pacientes, aumentando as oportunidades de interação e não limitando apenas aos momentos de presença física.

Outra utilidade que vislumbramos é o uso deste para possibilitar uma telepresença dos familiares em unidades de isolamento. Através de qualquer interface web, é possível comandar o Double e navegar. Demonstramos durante a feira o uso dele, e visitamos os stands vizinhos e comandamos passeios deste Robô a distância.

Atenção até das Televisões:

img_20190525_122912_621398313180114705665.jpg

A participação da Plug foi um dos destaques do Facilities Innovation, durante a feira alguns veículos de mídia tradicional se interessaram . Dentre eles recebemos equipes das Televisões Record e Globo.

Ao lado temos um dos sócios da Voice, Marcius Wada  concedendo uma entrevista para TV Globo. Durante a matéria gravada a Plug obedeceu comandos, respondeu informações e ajudou nos deslocamento do Stand.

Nas mídias sociais

Muita gente pedia uma foto com a Plug. No instagram vimos diversas fotos da Plug. A própria organização da feira publicou o seguinte post:

Participação da Plug no Congresso

A Pulg também participou do Congresso de facilities, no vídeo a seguir temos ela demonstrando suas habilidades em dança:

Outros links sobre a participação da Plug:

Galeria de Fotos

 

Este slideshow necessita de JavaScript.

Sobre a Hospitalar

Palestras Gratuitas de Gerenciamento de leitos na Hospitalar. Não perca!

A Hospitalar acontece de 21 a 24 de Maio, dentro dela haverá o Espaço Facilities Innovation. Neste espaço diariamente acontecerá palestras gratuitas. (link da programação completa no final deste post)

No dia 23 , o destaque será Gerenciamento de leitos.

As 14 horas teremos a palestra de Luiz Roberto de Oliveira

Beto VoiceTema: Gerenciamento de leitos

Palestrante: Luiz Roberto de Oliveira –

Sócio Diretor da Voice Technology,

Engenheiro Eletrônico de Formação,

Pós-graduação em Administração pela USP

Participante do grupo de estudos do Hospital 4.0 do HC-FMUSP.

Às 17 horas e 30 minutos teremos a palestra de Gladys Antonioli

gladys

Tema da palestra:  Como atuar nos gargalos para aumentar a eficiência no gerenciamento de leitos: higiene, rouparia, manutenção, enfermagem e corpo clínico

Palestrante: Gladys Antonioli

Coordenadora Administrativa do Hospital Santa Catarina Responsável pela Coordenação das Recepções de Atendimento de Internações eletivas, Pronto Socorro Infantil, Pronto Socorro Adulto, Núcleo de gerenciamento de leitos, Núcleo de atendimento e conferencia, Pré-internação e linha da oncológica.

É enfermeira com aprimoramento em coordenação de transplantes (University Hospital Birmingham), especialização em gerenciamento na assistência de enfermagem e MBA em economia, gestão hospitalar e em administração hospitalar . Pós-graduação em hotelaria hospitalar (Hospital Albert Einstein) e
MBA a Health Academy (Health Minds).

Neste mesmo dia terá o Debate HCI Group: Tendências e desafios da operação de facilities em saúde que já publicamos aqui no Blog …

Facilities Innovation

Espaço criado com o objetivo de demonstrar como hospitais, clínicas e laboratórios podem reduzir custos, melhorar sua eficiência no atendimento e segurança do paciente através da apresentação das suas soluções.

O Facilities Innovation tem acesso gratuito e está localizado no pavilhão verde. Para participar basta fazer o credenciamento e chegar com antecedência ao local.

Veja a programação completa

Importância das certificações na área hospitalar

Qualidade é geralmente considerada um conceito subjetivo que não poderia ser definida concretamente, mensurada, ou avaliada.

Mas, no mundo dos negócios, e no ramo hospitalar principalmente, qualidade é considerada um valor. Já a busca por qualidade é considerada um processo. Com múltiplas tarefas, dinâmico e contínuo. Ele necessita de indicadores , medidas e de parâmetros que permitam mensurar os resultados e ajustar as áreas que necessitem de atenção.

Instituições que comprovam estar melhorando sua qualidade de atendimento, processos e tecnologia tem os melhores desempenhos do mercado, e trazem mais resultados para seus investidores.

certificações

Certificações Hospitalares

As ferramentas de avaliação dos níveis de qualidade são as Certificações e as Acreditações.

Elas nada mais são do que conjuntos de regulamentações e regras oficiais definidos que garantem que aquela instituição atende aos mais altos padrões de qualidade e segurança nos serviços e processos.

Para isso, existem ferramentas de avaliação que vão garantir que uma instituição está no caminho certo na busca pela qualidade.

Acreditação: reconhecimento formal (por uma autoridade acreditada) acerca da competência de um hospital para desenvolver tarefas específicas, de acordo com critério pré-definidos. São, em geral, fruto de um intenso envolvimento da comunidade científica, técnica ou clínica,que busca definir as melhores práticas na gestão da qualidade e na segurança do paciente. Na Acreditação o escopo é definido pela Norma de Acreditação.  As acreditações possuem caráter mais técnico e menos procedimental do que as certificações.  São feitas por profissionais que conhecem a área médica em profundidade.

Algumas das principais acreditações na área de saúde são:

​Certificação: procedimento por meio do qual um organismo imparcial de notório reconhecimento público atesta por escrito que os produtos, processos ou sistemas de qualidade de uma instituição estão de acordo com requisitos especificados (Exemplo: normas de certificação ISO). É a empresa que define o escopo do que será mensurado (ou seja, se serão todos os processos da empresa submetidos à valoração ou apenas parte deles).

Nós da Voice iremos lançar um programa de certificação de empresas nos processos que envolvam nossas soluções.

Teremos Certificação que envolve cada solução nossa.  A primeira Certificação será para Gerenciamento de leitos e Checklist.