De quem é o dever de humanizar ?

texto de Renata Baleotti

A resposta é simples: o dever é de TODOS!

Aliás, em todas as descrições de cargos deveriam ter essa “função”: a de oferecer um serviço humanizado. Mesmo para cargos que não tem contato direto com o cliente. Porém a humanização deve fazer parte da cultura organizacional.

Ou será que nem deveria ter já que é muito óbvio? Afinal somos seres humanos. Porque parece ser tão difícil? Ou muitas vezes apontado como papel somente da Hotelaria?

Vivemos numa época muito triste de pandemia. Mas ela tem nos ensinado muito sobre empatia. E não só dentro dos hospitais. Que sigamos assim.

Sobre Renata Baleotti

Renata Baleotti

Renata é especialista em Hotelaria Hospitalar,

Interessada em Humanização hospitalar, realizou trabalhos em Hospitais públicos e privados.

Formada em Hotelaria e Turismo na UNAERP.

Trabalhou em grandes Hospitais como a Santa Casa de Sertãozinho e o Hospital CopaD’or (Rio de Janeiro).

Acredito que seja interessante para inspirar gestores. Mostrar que a humanização dentro de hospitais é possível. E que não precisa de grandes investimentos. Pra Humanizar, basta SER humano.

Renata Baleotti

Textos relacionados:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s